De vez em quando sai uma anedota.

agui

Diz-se que quando Deus criou o mundo para que os Homens prosperassem, concedeu-lhes 2 virtudes:

a) Aos Suíços, fê-los ordenados e cumpridores da lei;

b) Aos Ingleses, fê-los persistentes e estudiosos;

c) Aos Japoneses, fê-los trabalhadores e pacientes

d) Aos Italianos, alegres e românticos;

e) Aos Franceses, fê-los cultos e refinados.

E, quando chegou aos portugueses…, portugueses, voltou-se para o anjo que tomava notas e disse:

– Os portugueses vão ser inteligentes, boas pessoas e vão ser do Benfica.

Quando acabou de criar o mundo, o anjo disse a Deus:
– ‘Senhor, deste a todos os povos duas virtudes e aos portugueses três. Isto fará com que prevaleçam sobre todos os demais’

Então Deus reflectiu e disse:

– ‘É pá!… Tens razão…Bom como as virtudes divinas não se podem tirar… que os portugueses, a partir de agora, possam ter qualquer das três, mas que a mesma pessoa não possa ter mais do que duas virtudes de cada vez.

Assim seja que:

1. Português que seja do Benfica e boa pessoa, não pode ser inteligente.

2. O que é inteligente e do Benfica, não pode ser boa pessoa.

3. E o que é inteligente e boa pessoa, não pode ser do Benfica.

Palavra de DEUS

Deixar uma resposta