Música country.

a285_1983Há fenómenos que eu não consigo entender. Se calhar também não tenho de os entender ou então existem mesmo para eu não os entender mesmo (eu sei que tenho muito valor, mas não exageremos…). Estive agorinha a ver um filmezinho que me enviaram, pela net, claro está. Era um filme sobre uma criança a tocar concertina (pelo menos é assim que por cá se chama mas lá, desculpem a ignorância, não sei…) num concerto de uma figura conceituada, segundo percebi, da música country americana (claro está).Tirando o facto de estar na presença de uma criança prodígio, que não interessa mesmo nada, aquilo era indescritível. O estado de euforia daquelas pessoas a dançarem aquele tipo de música deixou-me boquiaberto e sem capacidade de reação. Aquele tipo de música é muito estranho e aquela gente só pode mesmo é ser igualmente estranha. Nem me quero a imaginar a viver num sítio daqueles.

3 comentários a “Música country.

  1. admin Autor do artigo

    Pois, eu até acredito que exista boa música country, porque a boa música é isso mesmo, boa, mas muito sinceramente, não consigo aguentar aquela onda americana… nem com muitas cotonetes enfiadas nos ouvidos… se ainda fosse salsa, como os romanos:)

  2. Catarina Costa

    A música country é uma das maiores fundações da cultura e da história norte-americanas e é muito interessante olhar essa sociedade à luz daquilo que sua música nos diz… Por isso, mesmo respeitando inteiramente sua opinião, não partilho dessa resistência com relação ao country. E até sugiro a você e a outros uma saltada nesse link http://cotonete.clix.pt/ Se você checkar o canal de country, talvez você se surpreenda com a qualidade e a intensidade das performances. Mas se esse gênero não for mesmo do seu agrado, experimente as outras rádios – a oferta é muito variada e de boa qualidade!

  3. Telmo

    Fazes bem em apoiar o May Day. O meu May Day é 24.

    Estou meio palerma, mas é a vidinha … como diz o outro …

Deixar uma resposta