Não é nada estranha! Melhor não pode haver!

“Não gosto de sexo anal. No entanto, quando estou no acto sexual, peço algumas vezes ao meu namorado para me penetrar com um dedo no ânus. Acho que o prazer se intensifica quando isso acontece. Haverá algo de errado nestas sensações? Sou estranha por lhe fazer estes pedidos?”

in Maria.

2 thoughts on “Não é nada estranha! Melhor não pode haver!

  1. José Luís Ferreira

    Esta fez-me lembrar a outra puritana a quem o marido, no calor da seção sexual semanal, para minorar o efeito causal, lhe confidenciou ” amor, há já muito tempo que tento dizer-te que tenho outra”. Ao que ela respondeu,” juras… então mete-ma no cú”

Deixar uma resposta