Às nove e meia… nunca é a hora certa…

Acho que todos nós temos as nossas manias. Quem não as tem? Eu sei que tenho as minhas! Umas são mais graves do que outras. Gosto de beber Bushmills e escrever ao mesmo tempo. Mas não posso escrever no portátil com os braços muito longe do teclado. Isso aborrece-me. Tenho mesmo que escrever quase em cima do teclado. É mais intimista… Não é que a parte do Bushmills interfira com o texto… agora, estar a escrever com os braços esticados e com dores de autenticas tendinites, isso sim,  já me incomoda!

Mudando de assunto, porque os assuntos são como os livros, vivenciam-se e guardam-se para mais tarde recordar. Já com as músicas… é, sensivelmente, a mesma coisa. Gosto de ouvir umas musiquinhas. Têm que ser umas musiquinhas a sério. Sem pessoinhas a tocarem instrumentos, que isso também me aborrece. Tem que ser uma musiquinha feita com botões e uma data de termos técnicos que agora não me apraz recordar. Essas musiquinhas levam-me para outros oceanos…

Deixar uma resposta