Fêcêpê

Eu nunca gostei de jogar futebol, aliás, nem me lembro de jogar quando era miúdo. Era mais de desportos individuais. Pratiquei atletismo durante catorze anos, mas isso é para outra conversa.
No entanto, gostava de ver futebol e ia com o meu pai ao antigo estádio das Antas porque eramos ambos sócios. Isto antes do Pinto da Costa, no tempo em que não ganhavamos nada.
Eram tempos difíceis para esta região. Felizmente o 25 de Abril veio mudar muita coisa. As pessoas não têm noção da alavanca que foi o fêcêpê para o desenvolvimento desta região.
Salvaguardando as devidas proporções, o mesmo sucedeu com o Barcelona e a região da Catalunha. A máxima (ainda actual) era “Lisboa é a capital e o resto é paisagem”. Está mais esbatida esta diferença abismal de condições de vida, mas continuamos a ser descriminados em todos os aspectos e, os inúmeros êxitos desta região ou deste clube, nunca são devidamente valorizados ou reconhecidos.
Tenho pena.

6 thoughts on “Fêcêpê

  1. o piupardo é o chefe… e é do fcp como tu…ainda falam do benfica… vocês não se entendem… kakaka

  2. piupardo

    Creio que é preciso, necessário mesmo, alguma ordem neste blog e, dentro dele, neste tema. Ia tudo muito bem, as loas eram adequadas e, agora, aparece esta coisa repetitiva, maior treta, e coisa e tal … mas, afinal, que vem a ser isto, hem???

  3. Pedrrinho

    ohhh…que bonito, nunca tive a sorte de ir com o Pai ao estádio da Antas, devem ter sido bons tempos..beijinho

  4. meteamorfode

    Ó meu porto onde a eterna mocidade
    Diz a gente o que é ser nobre e leal
    Teu pendão leva o escudo da cidade
    Que na história deu o nome a Portugal

    Oh Campeão do meu passado
    É o livro d’honras de vitórias sem igual
    O teu brasão abençoado
    Tem no meu porto mais um arco triunfal
    PORTO PORTO PORTO PORTO PORTO PORTO

    Quando alguem se atrever a sofucar
    Ogrito audaz da tua ardente voz
    Oohh porto então verás vibrar
    A multidão num grito só de todos nos!

    Oh Campeão do meu passado
    É o livro d’honras de vitórias sem igual
    O teu brasão abençoado
    Tem no meu porto mais um arco triunfal
    PORTO PORTO PORTO PORTO PORTO PORTO

Leave a Reply