A tata.

Faz hoje três anos que estavamos na véspera do nascimento da Renata tata bolacha de nata. A véspera de uma cesariana é sempre um momento de ansiedade indescritível. Não se pode dizer que não era nada comigo, porque nunca funcionei assim. Foram nove meses de partilha, de alegria, de privação e de vivência que não vou nunca esquecer. Passados estes três anos, relembro o momento em que peguei nela a primeira vez, já com as saudades de pegar numa bebé.
Bem hajas, minha querida filha.

Leave a Reply