Orelha.

Suponho que já disse qualquer coisa sobre o assunto, no entanto, nunca é demais referir que o recomeço das aulas é penoso. Não consigo adormecer à hora devida, acordo cheio de electricidade e, com isso, tenho alguma dificuldade em coordenar as minhas ideias e o meu trabalho. Como se nos outros períodos eu fosse minimamente organizado. Realmente não sou um organizado normal. Pelo menos é o que me dizem. O que me faz alguma confusão porque acho que sou realmente muito organizado, só que é um tipo de organização que pode passar por desorganização. Contraditório? Não me parece. Se pensarmos que um processo de elaboração, do que quer que seja, passa por diversas fases e por diversos estágios de maturação das ideias inerentes ao próprio processo, então eu sou mesmo uma pessoa muito organizada pois consigo lidar devidamente com todas as diversas fases. Um exemplo pequenino, fraquinho mesmo. Se estiver com vontade de comer um grão de bico com chispe, orelha e focinho de porco, mais as carnes e os chouriços, eu sei que tenho de pôr os ditos cujos de molho três ou quatro dias antes de os começar a cozinhar. Depois é cozinhar, com tudo o que isso implica. Se durante o tempo em que eles estão de molho, as bacias ocuparem uma parte significativa da cozinha e incomodarem o normal funcionamento da mesma, não há nada a fazer, faz parte do processo e, apesar de parecer uma confusão e uma desorganização, não é.
Eu avisei que era um exemplo pequenino, fraquinho mesmo, mas foi o que se pôde arranjar.

2 thoughts on “Orelha.

Leave a Reply