Necessidades.

Continuo sem perceber o porquê das pessoas não aderirem às Scooters. A gasolina está continuamente a subir. As nossas estradas são uma valente bosta, de tão entupidas estarem, com carros (vulgo enlatados) por tudo o que é sítio, sem lugar para estacionar, ou então a pagar… pessoas histéricas com o trânsito e proferirem constantemente palavrões agressivos (se ao menos não fossem agressivos) e tudo podia ser mais razoável. Isto tudo porquê? Porque o MANO CONTINUA EM ITÁLIA que é onde há mais quê? Scooters! Ele anda aparvalhado com uma data de coisas… compreensivo, mas uma delas (pelo menos daquelas que se podem contar) é a mobilidade que existe nas cidades italianas e isso fica a dever-se a quê? Scooters! Não é mania minha, é apenas uma constatação de uma realidade que só não vê quem não quer ver. E só de me lembrar da não aplicação da directiva europeia que permite que os possuidores de carta de automóvel possam conduzir uma 125 cc, não é cá aplicada porque os senhores políticos gostam mais de andar de mercedes (passe a publicidade) até fico nervoso. Fico tão nervoso… que pego na minha bela Scarabeo e vou dar uma volta até ao supermercado, comprar uma hortaliça.

Leave a Reply