Não, não sou eu. É um primo meu.

Isto é cíclico. Aproximam-se as avaliações. Ao contrário das minhocas, que é todos os dias… o massacre da papelada aos montes, das actas, das avaliações, das reuniões, vai começar… por isso, não há nada como ter uma atitude mais descontraída, para não dizer festivaleira, que a vida são dois dias.

1 thought on “Não, não sou eu. É um primo meu.

Leave a Reply