Verdadeiramente agradável.

É verdade que existem diversos tipos de terapia, mas a minha, neste momento, está mais virada para o trabalho que tenho estado a fazer. Esta coisa de estar horas a desenhar não tem comparação com nadinha, mesmo. Já tinha saudades destes momentos tão bons, tão relaxantes e tão intensos. Parece contradição, mas não é. A minha cabeça não consegue parar, o que é bom, pois dá para compensar os momentos em que fica parada e às moscas. A única coisa que me aborrece, mas só um bocadinho, é o facto de não dar muito jeito parar de desenhar para anotar uma qualquer ideia que surja, para depois a desenvolver e colocar aqui no blogue. E aborrece-me porquê? Porque depois esqueço-me! É triste, eu sei, mas já não dá para mais. Afinal de contas tenho quase cinquenta anos e o mundo já não é nada do que era.

Leave a Reply