Dá-me para…

Por vezes dá-me para pensar na vida, na minha vida. Não sei lá muito bem se é normal pensar na vida, eu acho que é. Normalmente, não chego a conclusão nenhuma, o que me deixa ainda mais pensativo, pois como sou um ser humano, gosto de saber se sou um ser humano normal. Mas adiante. Porquê adiante? Porque agora isso não interessa nada.

Estar a pensar na vida a ouvir Robbie Williams é que não é nada normal. Faz-me pensar naquilo em que me tenho vindo a tornar. Algo se passa. Nunca na minha vida tal me tinha sucedido. Qualquer dia estou a ouvir Queen, salvo seja, mas já espero de tudo.

Tenho para mim que a minha vida mudou desde que o síndrome da paternidade tomou conta de mim.

Leave a Reply