Géneros.

20090127-95354-8

Ele aí está. Fim de semana com sol. Por acaso é sexta feira, treze, só por acaso. Eu até nem sou muito supersticioso mas… esta data faz-me lembrar uma coisinha má, que me aconteceu há uns anitos… por volta de mil novecentos e oitenta e oito. Estava a sair, muito calmamente, de um concerto do Matt Jonhson, que adorei pela energia do homem, quando de repente, me metem uma mão no ombro, me viram e me dão um murro na cara que me fez cair. A partir da daí foram pontapés e murros por todo o lado. Apenas me tentei proteger o melhor possível. Isto tudo no meio da bomba de gasolina das Antas, cheia de gente que nada fez, e foi a intervenção da minha namorada da altura que os fez parar pois não estavam a contar com os insultos dela e os berros dela… Depois é que tomei consciência de que tinha sido vítima de uma agressão colectiva, de um bando de skins, que decidiram malhar em mim porque eu trazia um blusão com uma impressão do papa da altura. Não devem ter gostado. Só pode. Foi um final de noite que podia ter acabado muito mal, mas eu sou ruim, duro de ossos e com uma estrelinha muito grande, por isso aqui continuo, a azucrinar quem me rodeia. O casaco já não o tenho… ficou muito rasgadinho, mas fiz uma réplica que ainda tenho, não com uma, mas uma sucessão de caras do mesmo papa. E o mais engraçado é que esse papa era uma coisa do outro mundo, que eu nem sequer conseguia ouvir ou ver… foi o castigo… em forma de géneros.

Leave a Reply