Na saga de espelho meu…

gatinho

Espelho meu. Este é o título do post que suplantou o campeão daqui do blogue: Dôr no ânus. Muito sinceramente prefiro o espelho ao dôr no ânus. Quer-me parecer que dores no ânus qualquer um pode ter e, mais grave ainda, originada por um qualquer motivo: prisão de ventre será a mais comum; mas temos uma introdução de objectos, que se pode revelar particularmente dolorosa; temos ainda uma micose, que em caso de negligência pode dar em coceira extrema; sexo anal com violência, que se tornou um clássico; ou ainda diarreias ácidas, que tornam um verdadeiro martírio uma ida à casinha. Já o espelho meu, é de outro planeta, tem mais identificação com o lado emocional. Não deve existir um único ser humano à face da terra que não conheça a expressão “Espelho meu, haverá alguém mais bonito do que eu?” É um verdadeiro clássico e sempre virado para a individualidade, como tal não poderia deixar de ser o meu preferido.

Deixar uma resposta