Menos dez.

20091018-119660-0

Regressado da Feira dos Santos. Para os mais incautos, trata-se de uma feira que se realiza em Chaves, cidade natal da minha rica senhora, sempre nesta data de homenagem aos nossos mortos. É uma feira descomunalmente grande e com imensa variedade, ao longo de vários dias. Desde a venda de gado às velharias, tudo se vende por ali e quem quiser arranjar uns chazinhos ou umas mezinhas, também se arranja. Eu fiquei-me pelas compras nos ciganos. Fiquei espantado com os ciganos a venderem roupa. Como já não ia há muito tempo, se calhar foi isso que me levou a pensar na diferença. Bem, as ciganas andam produzidíssimas, cheias de brincos, piercings, roupa justa da moda… e a forma como passaram a vender, essa continua engraçadíssima. Conclusão: trouxe dois polos daqueles que os betinhos usam, um é cor de rosinha e o outro roxinho. Vão ficar um espectáculo e vão-me fazer dez anos mais novo. De resto, foi um fim de semana a comer, com especial destaque para um polvo que fomos comer a Espanha, divinal. Ah, e estava um calor que não se aguentava, só de manga curta.

Leave a Reply