Jorge Jesus – a má educação do costume.

Saber reconhecer o valor do trabalho dos outros é uma questão de inteligência e, em última análise, de educação. Ora, educação é coisa que o nosso amigo não tem. Pode ter uma auto-estima elevadíssima, que a tem, pode ter aquele ar de bimbo, que o tem, pode ainda ter aquela postura de chico-esperto, que só pode ter, mas educação não tem. Temos pena, mas não tem educaçãozinha nenhuma. É um verdadeiro troglodita e está muito bem onde está. Claro que não quero com isto dizer que os adeptos do clube das gaivotas são todos assim, trogloditas, muito pelo contrário, já assistimos a imensas manifestações de ternura e carinho pelo clube por parte de ilustríssimas figuras de Portugal. Portanto, não convém mesmo nada confundir uma instituição desportiva, merecedora de todo o respeito, com a gentinha que por lá anda neste momento. Não é caso virgem aparecerem por lá uns personagens estranhos, alguns até são condenados, outros conseguem malabarismos fantásticos. Assim foi e assim será. Mas adiante. O que me levou a escrever esta rebuscada prosa foi esta pérola de JJ “Braga justifica o segundo lugar. Tem quinze jogadores escolhidos por mim e pelo Carlos Freitas.”. Ora digam lá que o homem não é um espectáculo? Provavelmente muitos dos adeptos das gaivotas acham mesmo que ele é um espectáculo, mas convém lembrar que o treinador do Braga é o Domingos Paciência, que tem demonstrado ter muita paciência para aturar este tipo. Ah, já agora, convém também lembrar que antes do JJ ir para Braga, quem lá esteve a revolucionar e a estruturar o clube foi precisamente o professor Jesualdo Ferreira.

Posto isto, não posso deixar de expressar a minha vontade que o Braga ganhe o jogo de logo à noite. Vontades leva-os o vento, é certo, mas que gostava que o Braga ganhasse, lá isso gostava. Sempre tornava o campeonato mais interessante e disputado até ao final. Infelizmente tenho cá para mim que não vai ser essa a vontade dos deuses, que são tendenciosos e tendem sempre para o lado dos seus.

Leave a Reply