Home, sweet home.

Já que a maré é familiar, hoje vou  ter um dia dedicado à casa, ao lar, doce lar. Pois é, as benditas obras no jardim continuam. Vem cá um senhor cimentar os canteiros (que vão passar a ter vasos com plantas…), aliás, já cá está há muito tempo a trabalhar e eu vou vendo como se faz… As minhocas foram bem cedo para uma festa ao ar livre, das escolas do concelho, e só devem retornar por volta do meio-dia, cheias de fome e, imagino, em que estado…

Leave a Reply