Mais um que se aproxima… a passos largos.

Tirando a cena das gajas, que já foi e não me apetece falar mais do assunto, a vida do ser humano é curiosa. Acontecem uma data de coisas mesmo curiosas. Uma delas é desatarmos a desejar um feliz ano novo uns aos outros, com muitos votos de felicidades e afins. Eu não tenho nada contra as pessoas que me desejam um feliz ano novo, até agradeço a gentileza de se lembrarem de mim, mas é estranho que só nos lembremos uns dos outros nestas alturas. E então durante o resto do ano? Bem sei que não tenho razão! As pessoas têm uma vida complicada, com muitos horários, com muitas tarefas, com filhos que não deixam respirar, enfim, é um sufoco. Mas que devíamos cultivar mais as amizades, lá isso devíamos! Por falar nisso, desejo a todos um Bom Ano Novo!

Leave a Reply