Está a chegar a altura…

São quase nove horas da noite, no Porto, Portugal, e estou que nem posso. Fui correr meia hora, coisa que já não fazia há dois meses e meio. Estou derreado e nem sinto as pernitas. Hoje é dia dos namorados e eu neste estado, cansado, sem forças e a achar que vou ter de tomar outro café seguido de duas ou três bebidas espirituosas que a minha rica senhora também é muito espirituosa e afectuosa…

Isto tudo por causa de meia hora de corrida. Eu até suporto bem a dor e o sacrifício. Consigo aguentar a dor física e a privação da zona de conforto mas tenho de reconhecer que estou moído. Por falar em moído, gostava de fazer uma nova tatuagem, desta vez no braço direito. Estou a pensar num desenho meu para encher a parte de cima do braço, até ao ombro. Vamos ver como param as modas e se não estou a ficar maricas… é que para tatuar um braço da maneira que eu estou a pensar… ainda são umas horitas a moer, a moer, a moer… e aquilo doí!

4 thoughts on “Está a chegar a altura…

  1. Filipe

    Pois sim! ‘Tás tu que nem eu, ainda por cima a minha rica senhora bateu-me nos abdominais sem esforço nenhum. Depois desta meia horinha de esforço presentiou-me com uma massinha com, cogumelos, natinhas e queijinho etc…agora vamos ver quem adormece primeiro…vou fazer mais um esforço para acabar bem este dia dos namorados. Abraços e bom resto de dia dos NAMORADOS.

Leave a Reply