Este não sou eu! Até podia ser, mas não sou!

Já deu para perceber que, por vezes, me acho a raínha do Sabã, cheio de opiniões sobre tudo e mais alguma coisa. Tirando a parte das opiniões, que realmente pouco valor têm, a parte da raínha eu gosto. Quem não gostaria de ser uma raínha? Pelo menos os tais quinze minutos, já seria muito bom. No meu caso, a parte da raínha já é um dado adquirido… agora só falta mesmo ser do Sabã… Mas adiante, que a cumbersa ainda vai longe. O parágrafo de hoje tem que ver com a necessidade que as pessoas têm de se mostrar. Quem não conhece uma pessoa, e poderá ser um familiar, um amigo, um colega de trabalho ou mesmo alguém que se ama, que não sofra do mesmo mal? Quem? Resposta: todos nós já estivemos com pessoas que gostam de aparecer. Outra resposta: essa pessoa somos nós… mesmo. Pausa, para carregar, aqui. Se pensarmos um poucochinho, que seja, conseguimos perceber que é um exagero a quantidade de fotografias que colocamos nas redes sociais sobre a nossa pessoa. São fotografias escolhidas a dedo. Todas elas têm que nos favorecer, não podem mostrar, sequer, um bocadito de alface colada aos dentes. Uma tez brilhante, sem olheiras de preferência, devidamente penteado, as unhas aparadas, os sapatos ou as botas limpos e brilhantes (aliás, o brilho é nosso amigo), nada de aparecerem posições que denunciem qualquer tipo de má formação ou resíduos do último jantar com os amigos… tudo tem de estar perfeito, pelo menos aos nossos olhos, porque aquilo que não conseguimos ver… E depois pegamos naquela selecção cuidada, muito cuidada, e zás… redes sociais… e ficamos à espera… dos comentários… das pessoas educadas que conhecemos e comentam… comentam sempre de uma forma agradável, reforçando a nossa autoconfiança, fazendo com que nos sintamos melhores pessoas, mais capazes de tudo… principalmente das maiores loucuras. Sim, nas redes sociais, conseguimos ser uns loucos, sempre sexys, com muita vontade de fazer o amor descontroladamente e de uma forma selvagem. Porque ser selvagem é o que está a dar…

Leave a Reply