Acabadinho de chegar de Bilbao.

É verdade. Cheguei há pouco de Bilbao. Fui visitar o Museu Guggenheim, na companhia de alunos e professoras. Foi um bom fim de semana. Divertido. Cultural. Fisicamente desgastante mas que valeu bem a pena. Gostei muito da companhia e da terrinha, já do Museu… estava à espera de mais um bocadinho assim. Não é que não tenha gostado do Museu, pois adorei a construção e o espaço mas a colecção deles é fraquinha…

Bilbao, como cidade, está dividida em duas partes, como quase todas as cidades: a parte velha e a parte nova. A parte nova é horrorosa, mal ordenada e com arquitectura de churrasqueira, como temos por cá aos montes, apenas com alguns edifícios interessantes. A parte mais antiga tem edifícios lindos de morrer e andamos sempre de nariz no ar…

O povinho de lá… não me pareceu muito simpático. Caras muito fechadas e as que estavam mais abertas estavam com os copos… Por falar em copos, via-se muita ganapada no famoso bottelhom, ou lá como se escreve. Ontem à noite havia uma grande festa, com uma data de djs, de toda a Espanha, e só se via juventude com as garrafas, a beberem onde dava mais jeito… e o mais engraçado é que se viam mais raparigas do que rapazes a enfrascarem… sinais dos tempos.

Gostei muito de ter ido. E não, a fotografia não é em frente ao Museu…

Leave a Reply