From the other world (título em inguelês…)

1505654

Por vezes acontecem-me coisas do outro mundo. Assim, à primeira vista, pode parecer assustador… do género… visões… espuma a sair pela boca… arrotos… pessoas possuídas… Não é nada disso. São coisas normais. Podiam ser de outro mundo mas não, são normais… Passo a explicar. Aqui há uns tempos, não sei muito bem como, porque estas coisas não se sabem explicar, tomei conhecimento ( e esta é uma palavra politicamente correcta) da existência de uma senhora, mãe de família, não sei se casada ou junta ou separada, que se apresenta numa rede social da moda como sendo adepta de um clube. Até aqui… nada de especial pois existem adeptos de todos os clubes e cada um mais nervoso do que o outro, faz parte do folclore desportivo nacional. O que me chamou a atenção foi o facto da dita senhora ser um ser humano perfeitamente fora dos padrões do funcionamento normal. Quando eu digo normal, quero dizer bom senso. Todos nós temos as nossas paixões, certo? Mas quando ultrapassamos um certo grau… passamos ao estado de freak show… passamos a ave rara… e a senhora é uma ave rara. Tornei-me subscritor da senhora (eu que nem sabia o que isso era… descobri sozinho… porque ser amigo era um pouco de mais…) e passei a receber todos as publicações da senhora. E estou maravilhado. Todos os dias recebo um qualquer comentário sobre um qualquer jogo do clube que a senhora tanto admira, que está a acontecer num local inóspito deste pequeno país à beira mar plantado. É uma coisa inacreditável. Como é possível viver assim? Eu nem sequer estou a fazer apreciações clubísticas. Sei que devem existir muitas pessoas destas em todos os clubes de futebol. O que me deixa de boca aberta é que existam pessoas assim.

Eu sei que acabei por não ser objectivo mas não consigo e a culpa é Barry, o Branco. Por falar em Branco, tenho um amigo que também se chama Branco, mas essa é outra história…

Leave a Reply