Só para avisar: este não era o post que eu queria escrever. Saiu-me…

Animated-GIF-Photography35

Decididamente é difícil. Vai ser o drama da minha vida. Vai-me acompanhar até à velhice!

Mas o tipo está a falar de quê? Deve ser mais uma daquelas tangas! É muito provável que assim seja, uma das minhas tangas… Sim, porque as minhas teorias são sempre teorias da tanga! Mas o que é que eu hei-de fazer? Só me posso mesmo lamentar de ter nascido assim. Podia ter nascido escorreito, mas não senhora, tinha de sair complicado. Não tenho sortinha nenhuma. De resto, nada mais me preocupa e posso eu bem com as adversidades da vida (quer dizer, é uma forma de expressão…).

Esquecendo tudo o que acabei de escrever (essa será sempre uma boa hipótese) e que não interessa ao menino, o tal que dizem chamar-se Jesus, começaria o texto por fazer uma revelação. Aquele tipo de revelação que surge após um fim de mundo falhado: Eu sou um crente! Só podia ser um crente. Não me custa acreditar que sou um crente. Eu acredito nas pessoas. Tenho a felicidade de só me dar com pessoas boas. Não sei se é instintivo mas o que é certo é  que não tenho qualquer tipo de relação com pessoas más.

Tirando as minhas relações familiares, este é o aspecto mais importante da minha vida: as pessoas com quem me dou. São todas fantásticas e, à minha maneira, gosto de estar com todas elas. Claro que falho com elas como falho com os meus familiares. Por vezes dou comigo a pensar que deveria ter falado desta e não daquela maneira ou então deveria ter ligado a perguntar como correm as coisas. E falho porque sinto que não o fiz. Mas da mesma maneira que o sinto, também tenho a consciência de que não o faço por mal, apenas porque a vida, umas vezes não o permite e noutras não me deixa ter a capacidade suficiente para agir em conformidade.

Já deu para perceber que o humor hoje não abunda. Também já se percebeu que vai por aqui uma grande confusão.

 

2 thoughts on “Só para avisar: este não era o post que eu queria escrever. Saiu-me…

  1. admin Autor do artigo

    Ehehehehehe
    Tu já sabes o que a casa gasta 🙂
    No nosso tempo, essa cena do icetea… era uma cena que não nos assistia 🙂
    Luís, desejo-te tudo de bom na vida e, como ambos sabemos, ela está a ficar curta… por isso vive, vive com vontade 🙂
    Bom Natal
    Abraço

  2. Luís

    Ó meu, o que é que estás a beber? Cá pra mim ainda não te conenceste que o mundo continua, mas, olha que é verdade, amanhã é domingo, segunda é mesmo a noite de Natal… e já agora para que a coisa se torne mais real, aqui ficam os meus votos de o melhor natal possivél para ti, a tua senhora e principalmente para as pequenas. E olha bebe Icetea, pode ser que atines….

Leave a Reply